Em tempos de divisão, vale a pena lembrar…

UniãoA capacidade de ver o outro como parte de nós, mantendo a nossa identidade e autonomia, deveria ser um item a ensinar nas escolas, dentro do tema das “Competências Sociais e Humanas.”

Educar para a humanidade é educar para expressar o respeito e a inteligência emocional.

A falta destas competências cria profundas falhas no relacionamento entre as pessoas e dá vida às ilusórias divisões existentes entre elas, que não são mais do que a concretização do tecido mental e emocional interno de cada um, profundamente fragmentado pela ausência da energia matricial que tudo une, sem com isto condicionar ou prender.

É difícil contrariar essa tendência, cada vez mais presente na nossa sociedade. Todos os dias chegam testemunhos de pessoas que carecem de ajuda nesta área de vida, devidos aos conflitos em que se veem envolvidos, à revelia da sua escolha (regra geral).

Em todas estas situações há uma ajuda preciosa: o Floral de Anura número 19, União, da Linha Sossego, que, como o nome indica, promove a capacidade de entendimento entre os grupos, entre as pessoas no seu trato quotidiano, entre os casais e… entre os inimigos fidagais!

Ou seja, cria campo para que a energia matricial se possa expressar no universo vivencial de cada um.

Florais de Anura, há sempre uma solução!